Participação dos eletrificados chega a 7,5% em março

A fatia do segmento dos 100% elétricos, que tem a BYD na liderança, atingiu 3,5%
Participação dos eletrificados chega a 7,5% em março

Por Alzira Rodrigues

Com 13,1 mil emplacamentos em um mercado total de leves da ordem de 176 mil, os veículos eletrificados atingiram participação de 7,5% em março, com destaque para os BEVs, aqueles 100% elétrico, com fatia de 3,5%.

Em fevereiro, a participação dos eletrificados ficou em 7% e, em janeiro, quando ainda havia estoque de modelos com Imposto de Importação zero, chegou a 7,9%. A alíquota de importação dos eletrificados está sendo retomada gradativamente a partir do início deste ano.

LEIA MAIS

Veículos eletrificados voltam a pagar imposto de importação em janeiro

Mercado de carros e comerciais leves segue positivo no ano

Os dados de março foram divulgados pelo consultor Cassio Pagliarini, da Bright Consulting, revelando que no ranking dos veículos híbridos plug-in mais vendidos no Brasil predominaram as marcas BYD, GWM e Volvo, com fatias de 47,6%, 17,9% e 14,2%, respectivamente.

No caso dos veículos MHEV/HEV, o Top 3 é formado por Toyota (45%), GWM (13,8%) e Chery (12,8%). No segmento dos 100% elétricos, lideram a BYD, com 78,4%, GWM, 10%, e JAC, com 3,4%.

Importante lembrar que a chinesa BYD está no Top 10 das marcas mais vendidas no mercado brasileiro desde janeiro deste ano. A empresa, que terá fábrica em Camaçari, BA, e por enquanto depende exclusivamente de modelos importados, vende mais do que marcas com produção local, como Peugeot e Citroën.

Com 14.940 emplacamentos em março, a BYD ficou bem próxima da Honda, 9ª colocada, com 17.014 licenciamentos no mês. A marca chinesa já responde por 3,1% do mercado brasileiro de leves, ante fatia de 3,5% da japonesa, que tem operações locais desde os anos 90 do século passado.

Fonte: AutoIndústria

Compartilhe

Programa EMPRESA AMIGO DO VAREJO