Mercedes-Benz atualiza a linha de caminhões Atego

Novas cabines reproduzem as identidades visuais dos pesados Actros e Arocs
Mercedes-Benz atualiza a linha de caminhões Atego

Por Décio Costa

A Mercedes-Benz renovou a aparência dos Atego, linha de caminhões médios aos pesados da marca. A atualização trouxe as identidades visuais do Actros, para as versões destinadas às aplicações urbanas e rodoviárias, e do Arocs, para as tarefas do fora de estrada.

Na esteira da atualização, também novidades vocacionais foram incorporadas ao portfólio da gama. Casos do 1729 preparado para serviços de coleta de resíduos com compactadores de 15 m³ ou 19 m³ e o 1733 Bombeiro. Ambas as versões configuradas com caixa de transmissão automática da Allison.

LEIA MAIS

→Mercedes-Benz renova linha de caminhões para o Proconve P8

De acordo com Jefferson Ferrarez, vice-presidente de Vendas, Marketing e Peças & Serviços Caminhões da Mercedes-Benz do Brasil, a renovação não se limita ao visual, mas também contribui com a operação de transporte e o negócio em geral.

“Novos defletores de ar na cabine permitem menos arrasto aerodinâmico e, consequentemente, menor consumo. Também a introdução de tacógrafo digital facilita a gestão com extração dos dados por pen drive ou pela nuvem.”

Ferrarez adianta ainda que a renovação trouxe flexibilidade para o transportador ao poder optar pelo kit fora de estrada, chamado de Robustez, para ser aplicado em tarefas urbanas ou rodoviárias.

“É uma maneira de o transportador também garantir melhor valor de revenda. Usa o caminhão com componentes mais resistentes e, ao final, na hora de passar para a frente, substitui as peças dianteiras pelas utilizadas nas versões rodoviárias.”

A atualização na linha Atego coincide com os 20 anos desde o seu lançamento no País, em 2004. No período, mais de 180 mil unidades já foram produzidas.  “É um caminhão versátil, presente em todos os segmentos do transporte de carga.”

A gama permanece com amplas possibilidades de configurações, de versões rígidas e cavalo-mecânico ao tamanho da cabine e altura do teto passando pelo número de eixos, do 4×2 ao 8×4.

Reforço na gama de pesados com Actros 2533 e o Arocs 3353

A Mercedes-Benz aproveitou reformulação visual do Atego para apresentar novidades em pesados. Uma delas é o Actros 2553 6×2, modelo com motor de 530 cv com a proposta de suprir necessidades de transporte que exigem alta capacidade de carga e velocidade. O modelo surge como opção para atrelar semirreboque de quatro eixos com peso bruto total combinado (PBTC) de até 58,5 toneladas.

Um segundo lançamento é o Arocs 3353 6×3, cavalo-mecânico para atender segmentos da cana-de-açúcar e madeireiro. Como ferramenta para as aplicações fora de estrada, o modelo, com o motor de 530 cv, entrega capacidade para 91 toneladas de PBTC e capacidade máxima de tração (CMT) de 150 toneladas.

Fonte: AutoIndústria – Fotos: Mercedes-Benz/Divulgação

Programa EMPRESA AMIGO DO VAREJO