Filtro DPF do Euro 6 precisa ser trocado a cada dois anos


Mercedes-Benz vai oferecer peça remanufaturada como opção para o cliente
Filtro DPF do Euro 6 precisa ser trocado a cada dois anos

O filtro de partículas de diesel (DPF) dos motores Euro 6 precisa ser trocados a cada dois anos. Ou a cada 360 mil quilômetros para os caminhões mais pesados e 180 mil quilômetros para os médios. Para ajudar o cliente a gastar menos com a troca do componente, a Mercedes-Benz vai ofertá-lo por sua linha de peças remanufaturadas, a Renov.

“Muito provavelmente, a partir do começo de 2025, com dois anos de utilização do Euro 6, a gente começa a identificar a necessidade da troca do filtro DPF. Dentro dessa perspectiva, a Mercedes-Benz já tem um plano, já tem um acordo, para poder oferecer via Renov”, afirma Silvio Renan, diretor de Peças e Serviços ao Cliente da Mercedes-Benz do Brasil. Para adquirir o item, o dono do veículo precisa deixar o antigo na concessionária.

A linha Renov custa em média 40% menos que a genuína.

Em entrevista à Revista Carga Pesada, ele explicou que o DPF retém o material particulado resultante da queima de combustível para evitar que a emissão de poluentes ultrapasse os limites estabelecidos pela norma Euro 6. E atua junto com outro filtro, o Catalisador por Oxidação Diesel (DOC). “Nós temos o filtro DOC, que baixa o NOx (Número de Oxidação) e os compostos de carbono, e o DPF, que retém também parte do material particulado. Esse pacote de filtros, durante o intervalo de tempo que o próprio sistema OBD (Sistema Diagnóstico de Bordo) vai analisar, ele passa para um processo de regeneração.”

O diretor chama atenção para a necessidade de o transportador usar sempre o diesel S10.

Veja mais detalhes no vídeo:

Fonte: Revista Carga Pesada

Compartilhe

Programa EMPRESA AMIGA DO VAREJO