Vendas de pneus têm queda de 8,1% no primeiro bimestre

Comercializações para veículos de passeio registram o pior desempenho do setor, com recuo de 10,4%, aponta balanço da ANIP
Vendas de pneus têm queda de 8,1% no primeiro bimestre

As vendas totais de pneus registraram queda de 8,1% no primeiro bimestre de 2024 em comparação com os dois primeiros meses do ano anterior, saindo de 8,93 milhões para 8,20 milhões de unidades vendidas no período.  As comercializações para montadoras caíram 5,5% (passando de 2,09 milhões para 1,98 milhão de pneus), enquanto o mercado de reposição teve recuo de 8,9% (de 6,83 milhões para 6,22 milhões). Os dados fazem parte do levantamento setorial divulgado pela Associação Nacional da Indústria de Pneumáticos (ANIP).

As vendas de pneus para veículos de passeio registraram queda 10,4%, saindo de 4,71 milhões de unidades vendidas em janeiro e fevereiro de 2023, para 4,22 milhões no primeiro bimestre deste ano. A comercialização para montadoras recuou 2,6% (1,20 milhão para 1,17 milhão) e o mercado de reposição caiu 13,1% (3,50 milhões para 3,04 milhões).

Os pneus para veículos comerciais leves tiveram recuo de 5,4% nas vendas do primeiro bimestre em comparação com o mesmo período do ano anterior, saindo de 1,34 milhão para 1,27 milhão de unidades vendidas. As comercializações para montadoras registraram leve aumento de 0,1% (524 mil para 525 mil) enquanto o mercado de reposição caiu 9% (820 mil para 747 mil).

As comercializações de pneus para veículos de carga marcaram o único desempenho positivo do setor no primeiro bimestre. O segmento teve resultados 4,7% maiores que o mesmo período do ano anterior, saindo de 1,00 milhão de unidades vendidas para 1,05 milhão. As vendas para montadoras tiveram avanço de 15,5%, subindo de 241 mil para 278 mil. Já no mercado de reposição, o aumento foi de 1,3%, sendo 762 mil em 2023 ante 771 mil em janeiro e fevereiro deste ano.   

O segmento de pneus para motocicletas no mercado de reposição apresentou resultado negativo no primeiro bimestre, com queda de 3,7%. O setor saiu de 1,59 milhão em vendas no bimestre de 2023 para 1,53 milhão em 2024.

Para acessar o boletim completo do primeiro bimestre de 2024 CLIQUE AQUI.    

Sobre a ANIP   

Fundada em 1960, a Associação Nacional da Indústria de Pneumáticos (ANIP) representa a indústria de pneus e câmaras de ar instalada no Brasil, que compreende 11 empresas e 22 fábricas instaladas no Brasil. O setor emprega diretamente mais de 30,2 mil pessoas, e se considerado toda a cadeia, cerca de 849,5 mil pessoas de forma indireta.

A ANIP trabalha no Programa Nacional e Coleta e Destinação de Pneus Inservíveis desde 1999 e em 2007 as fabricantes nacionais de pneus criaram a Reciclanip, entidade voltada exclusivamente para a realização deste trabalho no país. A Reciclanip é uma referência mundial em logística reversa, sendo a maior da América Latina no setor de pneus, reunindo mais de 1.050 pontos de coleta distribuídos por todo o país.

Compartilhe

Programa EMPRESA AMIGO DO VAREJO