Produção de caminhões reage com crescimento de 38,5% em maio


Ritmo no segmento de ônibus supera 3 mil unidades e acumula volume próximo do patamar anterior à pandemia (Por Décio Costa)
Produção de caminhões reage com crescimento de 38,5% em maio

As atividades no chão das fábricas de veículos pesados voltaram a ganhar fôlego depois de interrupções simultâneas de montadoras em abril. No mês passado, a produção de caminhões avançou 38,5% ao anotar 13,9 mil unidades ante 10 mil registradas em abril. É o mesmo volume registrado em maio de 2021, apenas com uma ligeira de alta de 0,3%.

A recuperação mensal, no entanto, não foi suficiente para preservar resultado positivo no ano. De janeiro a maio, a indústria produziu 58,4 mil caminhões, volume 2,8% menor em relação à produção apurada no mesmo período do ano passado, de 60 mil unidades.

“A queda no acumulado resulta da crise de abastecimento de componentes e logística, o maior desafio atualmente”, observou Gustavo Bonini, vice-presidente da Anfavea, durante apresentação do balanço do setor na terça-feira, 7. “Mas, embora, com dificuldades as associadas têm conseguido equalizar a programação das entregas com os clientes.”

Para o segmento de ônibus, a indústria produziu em maio pouco mais de 3 mil chassis, volume que representou altas de 85,6% sobre abril, quando registrou 1,6 mil unidades, e de 82,2% em relação a maio do ano passado, também no patamar de 1,6 mil unidades.

Ao menos nos últimos três anos, a produção de chassi não anotava volume mensal semelhante. Com o desempenho do mês passado, a indústria produziu de janeiro a maio 10,3 mil chassis, crescimento de 18,8% na comparação com o registrado há um ano, de 8,7 mil. Com isso, o acumulado fica próximo às 11 unidades contabilizadas nos cinco primeiros meses de 2019, portanto, antes da pandemia.

LEIA MAIS

→Ritmo de produção de caminhões recua 30% em abril

→Produção de caminhões fecha o primeiro trimestre em alta 4%

→Emplacamentos de caminhões anotam alta de 10% em maio

Fonte: AutoIndústria – Foto: Volvo/Divulgação

Compartilhe

Programa EMPRESA AMIGA DO VAREJO