É o fim: Motor 1.4 Fire dará adeus ao mercado

Segundo site, Fiat Fiorino e Peugeot Partner virão equipadas com propulsor 1.3 FireFly na linha 2025
É o fim: Motor 1.4 Fire dará adeus ao mercado

Ainda não é março, mas é pau, é pedra, é o fim do caminho para o veterano motor 1.4 Fire. O propulsor, que ainda era oferecido nos irmãos Fiat Fiorino e Peugeot Partner, abrirá caminho para o 1.3 FireFly. Dessa forma, a linha 2025 dos furgões irá atender aos regimes de emissões de poluentes do Proconve L8.

A informação é do site “Autos Segredos”, especializado na seara mais “detetive” do setor automotivo. A página diz ainda que o atualizado propulsor 1.3 FireFly é internamente chamado de ECO PL8, e chegará mais eficiente e com alterações em potência e torque.

Vale ressaltar que, em suas atuais configurações, o motor rende 98 cv de potência a 6.000 rpm e13,2 kgfm de torque a 4.250 rpm quando abastecido com gasolina. Com etanol, a potência é de 108 cv a 6.250 rpm e o torque de 13,7 kgfm a 4.000 rpm.

Importante ainda destacar que o 1.4 Fire, produzido na unidade da Stellantis em Betim (MG), é um dos motores mais antigos do mercado brasileiro. O propulsor já equipou, por exemplo, Uno, Mille, Grand Siena, Doblò e, claro, Palio.

Fonte: Automotive Business

Compartilhe

Programa EMPRESA AMIGO DO VAREJO