Vendas de pneus fecham 2023 com queda de 8,2%

Balanço da ANIP aponta que recuo foi maior em comercialização para montadoras, mas afetou também mercado de reposição
Vendas de pneus fecham 2023 com queda de 8,2%

As vendas totais de pneus registraram queda de 8,2% em 2023 em comparação com o ano anterior, recuando de 56,64 milhões para 51,97 milhões de unidades vendidas no período.  As vendas para montadoras caíram 9,6% (passando de 13,90 milhões para 12,56 milhões de pneus), enquanto o mercado de reposição teve recuo de 7,8% (de 42,74 milhões para 39,41 milhões). Os dados são do levantamento setorial divulgado pela Associação Nacional da Indústria de Pneumáticos (ANIP).

As vendas de pneus para veículos de passeio tiveram queda 9,5%, saindo de 30,35 milhões, em 2022, para 27,48 milhões de unidades, no ano passado. A comercialização para montadoras recuou 3,7% (8,01 milhões para 7,72 milhões) e o mercado de reposição caiu 11,5% (22,34 milhões para 19,76 milhões).

Os pneus de carga registraram o pior desempenho do acumulado de 2023, com vendas 13,8% menores que no ano anterior. O segmento saiu de cerca de 7,48 milhões de unidades vendidas para 6,45 milhões. As vendas para montadoras tiveram recuo de 26,9%, saindo de 2,06 milhões para 1,50 milhão. Já no mercado de reposição, a queda foi de 8,8%, sendo 5,41 milhões em 2022 ante 4,94 milhões em 2023.    

As vendas de pneus para veículos comerciais leves em 2023 caíram 12,6% em comparação com o período do ano anterior, saindo de 8,54 milhões para 7,46 milhões de unidades vendidas. As vendas para montadoras registraram 10,4% de queda (3,33 milhões para 2,99 milhões) enquanto o mercado de reposição caiu 14,1% (5,21 milhões para 4,47 milhões).

Já o segmento de pneus para motocicletas no mercado de reposição apresentou resultado positivo no acumulado do ano, com alta de 5,9%. O setor saiu de 9,19 milhões de unidades comercializadas em 2022 para 9,73 milhões em 2023.

Para acessar o boletim completo de 2023 CLIQUE AQUI.  

Dezembro termina com queda nas vendas  

As vendas totais de pneus em dezembro apresentaram queda de 9,6% na comparação com o mês anterior, com destaque para o recuo de 33,2% nas vendas para montadoras (802 mil para 535 mil). Já no mercado de reposição a queda foi de 3,8% (3,29 milhões para 3,16 milhões). Foram negociadas 3,70 milhões de unidades no último mês do ano.   

Para acessar o boletim de dezembro CLIQUE AQUI.  

Sobre a ANIP 

Fundada em 1960, a Associação Nacional da Indústria de Pneumáticos (ANIP) representa a indústria de pneus e câmaras de ar instalada no Brasil, que compreende 11 empresas e 22 fábricas instaladas no Brasil. O setor emprega diretamente mais de 29,5 mil pessoas, e se considerado toda a cadeia, cerca de 848,8 mil pessoas de forma indireta. 

A ANIP trabalha no Programa Nacional e Coleta e Destinação de Pneus Inservíveis desde 1999 e em 2007 as fabricantes nacionais de pneus criaram a Reciclanip, entidade voltada exclusivamente para a realização deste trabalho no país. A Reciclanip é uma referência mundial em logística reversa, sendo a maior da América Latina no setor de pneus, reunindo mais de 1.050 pontos de coleta distribuídos por todo o país.

Compartilhe

Programa EMPRESA AMIGO DO VAREJO