Categories • Automotivas

Indústria pode emplacar até 150 mil carros híbridos e elétricos em 2024

Por Vitor Matsubara

indústria automotiva brasileira pode emplacar até 150 mil carros híbridos e elétricos em 2024.

A previsão foi feita por Marcio de Lima Leite, presidente da Associação Nacional das Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), durante coletiva de imprensa para divulgação dos resultados mensais, realizada nesta quinta-feira, 4.

“Pelo andar da carruagem, devemos chegar de 130 mil a 150 mil unidades até o final do ano”, estimou.


VEJA MAIS:
– Anfavea deve ter presidente de fora da indústria em 2025
– Produção de veículos encerra o semestre estagnada
 Concorrência asiática afeta exportações de veículos brasileiros


Segundo a entidade, que contabiliza apenas os emplacamentos no período acumulado, as fabricantes contabilizaram 79,1 mil veículos de janeiro a junho. Deste volume, 31,2 mil unidades foram de carros elétricos, 25,6 mil de carros híbridos e 22,5 mil de híbridos do tipo plug-in.

Na comparação dos resultados acumulados de 2024 com 2023, até agora houve alta de 4,5% no número de emplacamentos de carros híbridos e híbridos plug-in. E crescimento de 2,9% no volume total de veículos elétricos licenciados até junho.

ABVE também espera por bons resultados até dezembro

Números semelhantes foram divulgados pela Associação Brasileira do Veículo Elétrico (ABVE) também nesta quinta-feira, 4.

Com 79.304 veículos eletrificados vendidos até junho, a indústria teve aumento de 146% em relação ao mesmo período de 2023, quando 32.239 unidades foram comercializadas.

A associação também revelou o número mensal de emplacamentos em junho, quando 14.396 veículos foram licenciados. Assim como a Anfavea, a ABVE projeta um bom resultado para o ano. A estimativa é que mais de 150 mil veículos eletrificados sejam vendidos em 2024.

Caso esse volume se concretize, haverá um crescimento aproximado de 60% sobre os 93.927 veículos emplacados em 2023.

Fonte: Automotive Business

You May Also Like