Brasil sobe ao 7º maior mercado do mundo, mesmo com queda de 27%


Brasil sobe ao 7º maior mercado do mundo, mesmo com queda de 27%

Levantamento da Jato mostra que só a China caiu um dígito em 2020 no Top 10 dos que mais vendem veículos. Veja a lista com os 25 maiores mercados (Zeca Chaves, AB)

Embora tenha sofrido muito com o impacto da pandemia nas vendas de veículos no País, o Brasil conseguiu terminar o ano de 2020 como o sétimo maior mercado do mundo, como mostra levantamento divulgado pela consultoria internacional Jato na segunda-feira, 11.

Os números revelam que o mercado brasileiro caiu impressionantes 27% em relação ao nível de vendas de 2019, que foi a maior queda registrada pelos países que estão no Top 10 global. 

Apesar do tombo, o Brasil acabou ganhando uma posição nesse ranking, já que em 2019 ele estava na oitava posição, com 2.663.666 unidades vendidas. Em 2020, o País comercializou apenas 1.952.624 veículos, mas subiu à sétima colocação, ficando atrás apenas de China, Estados Unidos, Japão, Alemanha, Índia e França – ultrapassou o Reino Unido, que registrou quase 29 mil unidades a menos (1.923.720 veículos).

O maior destaque do ranking foi a China, que apresentou a menor variação no Top 10: caiu apenas 2%, revelando que a pandemia de Covid-19 praticamente não alterou suas vendas internas, que passaram dos 25 milhões nos últimos dois anos. 

“É uma das poucas economias que se recuperaram bem na esteira da pandemia e o único grande mercado automotivo a registrar queda de apenas um dígito em comparação com 2019. Em vez de perturbar o mercado, o surto de Covid-19 apresentou uma oportunidade para a indústria automotiva chinesa, e agora eles estão prontos para enfrentar o mundo de uma nova maneira”, diz o relatório da Jato.

Para a Coreia do Sul, a maior crise sanitária do século provou ter sido benéfica a seu mercado local de veículos. Ela subiu do 12º lugar para o 9º, graças a um crescimento de 5%, chegando a 1,84 milhão de veículos.  

Melhor que a Coreia na lista dos 25 mercados apenas a Turquia, cujas vendas aumentaram 61%. Assim, o país saltou da 25ª posição para a 17ª colocação, com 773 mil unidades no ano passado.

Confira abaixo o ranking completo com os 25 maiores mercados em vendas de veículos e, para ter acesso a mais dados do estudo, basta clicar neste link da Jato.

Fonte: Automotive Business

Compartilhe

Parceiros