Malefícios do uso do óleo errado para o motor do carro

Valvoline alerta sobre os riscos e formas de evitar danos graves no veículo
Malefícios do uso do óleo errado para o motor do carro

Ao realizarem a troca de óleo nos veículos, muitos consumidores se questionam quanto à qualidade daquele produto e se devem ou não economizar comprando opções mais baratas. O que não sabem, mas o uso inadequado de óleo lubrificante para o motor de um veículo pode acarretar uma série de danos significativos e custosos.
A Valvoline, empresa pioneira no desenvolvimento de lubrificantes para automóveis, reforça a importância da escolha correta do produto para o bom funcionamento do motor do veículo, trazendo um desempenho ideal e proteção superior para diferentes tipos de motores.

De acordo com Alberto Freitas, gerente comercial da Valvoline Brasil, “o uso incorreto de óleo pode resultar em problemas graves, desde o desgaste prematuro de peças vitais do motor até danos irreversíveis. Por isso, é fundamental adotar práticas adequadas de manutenção e seguir cuidadosamente a viscosidade recomendada pelo fabricante, a fim de garantir o desempenho otimizado do motor e prevenir complicações indesejadas ao longo do tempo”, ressalta Freitas.

Para que serve o óleo lubrificante?
O óleo lubrificante é essencial para o funcionamento adequado do motor de um veículo, pois reduz o atrito entre as peças móveis, ajudando a dissipar o calor gerado pela operação do motor e protegendo contra a corrosão.

Além de diminuir o atrito e o desgaste, o óleo lubrificante desempenha uma série de outras funções essenciais, como limpar o motor, refrigerar as peças, reduzir o ruído e vedar os anéis de compressão. No entanto, a escolha inadequada do óleo pode acarretar uma série de complicações, que vão desde a formação de depósitos até o aumento do consumo de combustível e, em casos mais graves, a quebra do motor. Portanto, quando um tipo de óleo inadequado é utilizado, seja devido à viscosidade incorreta, composição suspeita ou especificações incorretas para o tipo de motor, os danos podem ser relevantes.

Riscos e prejuízos
Entre os danos mais comuns causados pelo uso inadequado do óleo estão o acúmulo de resíduos no motor, a formação de depósitos nocivos, o desgaste prematuro de componentes como anéis de pistão e válvulas, e até mesmo o superaquecimento do motor. Esses problemas não apenas reduzem a eficiência e a vida útil do motor, mas também podem resultar em falhas catastróficas que requerem reparos dispendiosos e até mesmo a substituição do motor.

Diante desses riscos, é crucial que os proprietários de veículos sigam as recomendações do fabricante quanto ao tipo e viscosidade do óleo lubrificante a ser utilizado em seus motores. Além disso, é importante realizar trocas regulares de óleo, de acordo com o intervalo de manutenção recomendado, para garantir o bom funcionamento e a durabilidade do motor do veículo.

Produtos adequados para o desenvolvimento do carro e seus benefícios
A linha Advanced da Valvoline é altamente recomendada, sendo uma coleção de produtos de alta performance projetados especificamente para proporcionar uma proteção excepcional ao motor do veículo. Esses óleos lubrificantes são formulados com aditivos avançados que oferecem uma defesa robusta contra o desgaste, mantendo as partes móveis do motor em condições ideais.

Além disso, destacam-se por suas propriedades de limpeza avançadas, capazes de eliminar depósitos e impurezas, garantindo um funcionamento eficiente e livre de resíduos no motor. Com resistência à oxidação e à degradação térmica, os produtos da linha Advanced da Valvoline asseguram um desempenho confiável mesmo sob condições extremas de temperatura e pressão. Adicionalmente, são desenvolvidos para proporcionar uma redução significativa no consumo de combustível, contribuindo assim para a economia de combustível e a redução de emissões.

Sobre a Valvoline
Há mais de 150 anos no mercado, a Valvoline é uma fabricante de lubrificantes automotivos, comerciais e industriais. Desde 2017, a marca é representada no Brasil pela Usiquímica, que detém com exclusividade os direitos de uso da marca de fabricação, importação e distribuição dos produtos, além de responder pelas áreas de vendas, marketing, concepção da estratégia de negócios até a sua execução.

Sobre a Usiquímica
Inaugurada em 8 de maio de 1943 por Manoel Gimenez Henriques e inicialmente batizada “Indústria Química Gimenez”, a empresa começou produzindo Ácido Nítrico Concentrado, na cidade de São Paulo, para atender à demanda da região Sudeste. Com intenso trabalho e empenho na qualidade de seus produtos, a Usiquímica transformou-se no principal fabricante de Hidróxido De Amônio no Brasil e líder na distribuição de Ácido Clorídrico, Amônia Anidra, Hipoclorito de Sódio, Ácido Nítrico e Ácido Fluorídrico. Além disso, é um dos principais players do mercado de Arla 32.

Compartilhe

Programa EMPRESA AMIGO DO VAREJO