Siga-nos:

ZF mostra direção elétrica para caminhões e ônibus automatizados

Compartilhar:

Potente o bastante, protótipo pioneiro dispensa sistema hidráulico e periféricos

ZF apresentou na Alemanha o primeiro protótipo de um sistema de direção totalmente elétrico para veículos comerciais pesados. O equipamento dispensa o sistema hidráulico e periféricos. Seu motor elétrico chega a 70 newtons/metro de força e fornece a assistência total para as manobras.
Chamada Reax EPS (do inglês Electrically Powered Steering), a direção totalmente elétrica é essencial para sistemas avançados de assistência ao motorista (Adas) e funções de condução automatizada, que podem aumentar a segurança e reduzir o cansaço do motorista.
O protótipo também foi projetado para dar suporte, no futuro, a aplicações autônomas, que dispensem a ação do motorista, pois o esterçamento das rodas dianteiras pode ser ativado exclusivamente pelo atuador eletromecânico, sem que haja movimentação do volante.
Segundo a ZF, quando comparada à direção hidráulica convencional, a Reax EPS traz vantagens porque reduz o peso e o espaço para instalação. “Estamos mostrando algo que irá facilitar também o avanço da eletrificação”, explica Mitja Schulz, chefe da unidade de sistemas de direção para veículos comerciais da ZF.
O novo equipamento foi desenvolvido a partir de um sistema eletromecânico de direção para automóveis e a ZF adaptou a tecnologia para todos os tipos de caminhões e ônibus. Ela vem equipada com uma unidade de controle integrada, transmissão e sensores. Apesar do tamanho compacto, fornece toda a potência exigida para manobrar veículos pesados, dispensando totalmente um sistema adicional de bomba hidráulica.
“Após os primeiros testes, podemos dizer que a Reax EPS é mais eficiente que nosso sistema eletro-hidráulico, além de pesar bem menos”, afirma Schulz. Por ser compacta, a unidade abre espaço no veículo para instalação de outros sistemas que interajam com a nova direção.

Fonte: Automotive Business

Nenhum comentário

Deixe um comentário