Siga-nos:

PSA começa a vender Citroën Jumper e Peugeot Boxer

Compartilhar:

Utilitários compartilham o mesmo projeto e chegam com preço promocional de R$ 117.171,60

As concessionárias do Grupo PSA começam a vender os utilitários Citroën Jumper e Peugeot Boxer. Os veículos compartilham o mesmo projeto e vêm da Itália com preço promocional de R$ 117.171,60, válido até o fim de dezembro. Depois disso entra em vigor a tabela de R$ 139.490.
O motor é um 2.0 turbodiesel de 130 cavalos com tecnologia SCR para controle de emissões nível Euro 6, que requer a utilização de aditivo à base de ureia (Arla 32). Os modelos Jumper e Boxer recebem um câmbio manual de seis marchas. A capacidade de carga dos veículos é de 1.667 quilos. Em volume são 13 metros cúbicos.
A porta lateral deslizante tem 1,25 metro de largura, permitindo o carregamento até por empilhadeiras. E as portas traseiras têm abertura em 270 graus, o que facilita o acesso à carga e a movimentação ao redor do veículo. A largura máxima do compartimento de carga chega a 1,87 metro e o comprimento é de 3,7 m.
A lista de equipamentos de segurança inclui controles eletrônicos de tração e estabilidade, mais assistente de partida em rampa. Segundo a montadora, as suspensões foram adaptadas à realidade brasileira e os freios são superdimensionados. O tanque para 90 litros de diesel garante boa autonomia.
A alavanca de câmbio fica no painel e não no assoalho, permitindo a movimentação do motorista quando ele precisa descer pela porta direita. O condutor conta também com descansa-braço e uma mesinha para anotações ajustável em altura.
A rede de revendas Citroën e Peugeot oferece revisão no mesmo dia, revisões com preço fixo, veículo reserva para deslocamento pessoal se o utilitário tiver de ficar mais de quatro dias em reparo, além de assistência 24 horas com reboque por oito anos.
Os principais concorrentes da dupla Jumper/Boxer são os Mercedes-Benz Sprinter e Renault Master. Ambos recebem motores diesel que dispensam o uso de Arla 32.

 

Fonte: Automotive Business

Nenhum comentário

Deixe um comentário